sábado, 2 de junho de 2018

Roger Donaldson – “O Cume de Dante” / “Dante’s Peak”



Roger Donaldson – “O Cume de Dante” / “Dante’s Peak” 
(EUA – 1997) – (108 min./Cor) 
Pierce Brosnan, Linda Hamilton, Jamie Renée Smith. 

Na década de setenta do século passado, o cinema norte-americano foi invadido pelo sub-género dos filmes catástrofe, obtendo os Estúdios enormes receitas com o acolhimento dado pelos espectadores de cinema. Vinte anos após este fenómeno e já com os efeitos especiais a serem parte integrante dos filmes do género, encontramos neste “Dante’s Peak” / “O Cume de Dante”, um excelente exemplo de como devem ser colocados os efeitos especiais ao serviço do cinema, complementando a acção dramática e nunca usando-a de forma arbitrária. Com a chegada do digital muito mudou na Sétima Arte, mas esta película do cineasta australiano Roger Donaldson merece não ser esquecida!

Rui Luís Lima

4 comentários:

  1. Lembro-me de ver este filme pela época do meu mestrado em vulcanologia, um filme bem assessorado cientificamente, independentemente desvios para modelar os fenómenos ao desenrolar dramático e às emoções em tela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em 2007 surgiu também o filme "Vulção" / Volcano" de Mick Jackson, com o Tommy Lee Jones, no protagonista, fruto da competição entre os Estúdios Americanos, caso não conheça, recomendo.
      Bom domingo!

      Eliminar
  2. Também vi, cientificamente é inferior, os géneros de riscos dos vulcões estão associados às tipologias da erupção, criaram um vulcão que é um mix de tudo, mas dentro de cada fenómeno não estava mau.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Embora a minha visão, seja puramente a do cinéfilo, confesso que gostei de ambos os filmes, embora o de Roger Donalson seja o meu favorito.
      Bom domingo!
      PS- Hoje passa na RTP Memória um excelente "western" de John Ford!

      Eliminar