quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Wong Kar-Wai – “Chungking Express” / “Chong Qing Sem Lin”


Wong Kar-Wai – “Chungking Express” / “Chong Qing Sem Lin”
(HONG-KONG – 1994) – (97 min. / Cor)
Brigitte Lin, Tony Leung, Faye Wong, Chiu Wal.

“Chungking Express” foi o primeiro filme de Wong Kar-Wai a ter distribuição comercial em Portugal e todos os espectadores que viram na época a película no cinema King, em Lisboa, ficaram de imediato fascinados pela fotografia do australiano Christopher Doyle, que nos oferece um universo repleto de cores e néons, ao mesmo tempo que manipula a câmara como ninguém, a uma velocidade verdadeiramente vertiginosa.


Ao optar por nos narrar duas histórias no mesmo filme, o cineasta Wong Kar-Wai, nome que a partir de então todos iremos fixar, oferece-nos como protagonistas dois polícias, o primeiro que perdeu a namorada e decide encontrar uma nova mulher antes de terminar o prazo de validade de uma lata de ananás, e que acabará por se cruzar com uma dealer, em busca da mercadoria extraviada, e o segundo um polícia de giro que desperta a atenção de uma jovem, de uma beleza estonteante, que decide segui-lo, descobrindo onde ele mora, para mais tarde se introduzir no seu apartamento para assumir o papel de uma secreta empregada doméstica, que lhe arruma e decora a casa.


Estamos assim perante duas histórias “policiais” bem subversivas do género, convidando-nos o cineasta a entrar nesse seu universo tão característico, em que o amor surge como o fio condutor da película, numa Hong-Kong repleta de luz e de sonhos, onde o surpreendente argumento é acompanhado pelo tema musical “American Dreamin” dos Mamas and the Papas, que surge como um verdadeiro protagonista, à medida que vai pontuando a acção e a intriga da película.
Se ainda não conhece a obra sempre deslumbrante de Wong Kar-Wai, “Chungking Express” é na realidade um excelente cartão de visita do cineasta.

Sem comentários:

Enviar um comentário