quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

John Landis – “Pela Noite Dentro” / “Into The Night”



John Landis - "Pela Noite Dentro" / "Into the Night"
(EUA - 1985) – (115 min. / Cor)
Jeff Goldblum, Michelle Pfeiffer, Dan Aykroyd, Stacey Pickren, David Bowie.

A prática do cinema via realização, pode tornar-se num grande prazer para o cineasta e os actores, confirmando "Pela Noite Dentro" / "Into the Night", de certa forma, esta via. John Landis, neste policial nocturno, conta-nos a história de Ed Okin (Jeff Goldblum), um pacato engenheiro com insónias, que descobre acidentalmente o adultério da mulher e a inexistência do prazer de viver. As noites já não o adormecem, transformando-se em dias nocturnos vividos na cama, olhando o infinito. Ao procurar um pouco da noite, na sua vertente mais conservadora, Ed encontra-se com Diana (Michelle Pfeiffer), fugitiva de um bando de iranianos que procuram as pedras preciosas em poder da linda jovem. Ed entra pela noite dentro, perseguido por dois grupos rivais, que todos matam, deixando um rasto de sangue, por onde passam. No interior desta "guerra" Ed encontra em Diane a mulher que lhe faltava, e depois... o melhor é verem o filme, está disponível em dvd.

Michelle Pfeiffer e David Bowie

John Landis divertiu-se imenso, o seu gozo foi tão grande, que não resistiu a colocar-se diante da câmara na figura de um dos iranianos (o de óculos e barbas), Landis é desde sempre um amante da comédia, bastante visível na película "O Filme Mais Louco do Mundo" / "The Kentucky Fried Movie", uma grandiosa paródia ao cinema e à publicidade. Só durante as filmagens de "No Limiar da Realidade" / "Twilight Zone: The Movie" perdeu o humor e o coração até parou, quando o actor Vic Morrow, pai de Jennifer Jason Leigh, morreu durante as filmagens do seu episódio. "Pela Noite Dentro" oferece-nos ainda a presença de David Bowie (perigoso gangster) e dos realizadores Roger Vadim, Paul Mazurski, Daniel Petri, Don Siegel, Colin Higgins, Jack Arnold, Jim Henson e Lawrence Kasdan a "fazerem uma perninha" na arte de representar em frente da câmara, estamos na verdade perante uma divertida comédia, que bem merece ser descoberta!

Sem comentários:

Enviar um comentário