quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Joel Coen e Ethan Coen – “O Grande Lebowski” / “The Big Lebowski”


Joel Coen e Ethan Coen – "O Grande Lebowski" / "The Big Lebowski"
(EUA/ING – 1998) – (117 min. / Cor)
Jeff Bridges, John Goodman, Julianne Moore, David Huddleston, Steve Buscemi, Philip Seymour Hoffman, John Turturro.

The Big Lebowski” / ”O Grande Lebowski”, aborda de forma delirante a questão da confusão de identidades, no interior da denominada comédia negra, esse género tão do agrado dos irmãos Coen, contando no protagonista com esse grande actor chamado Jeff Bridges, que só muito recentemente viu a Academia de Hollywood galardoar o seu enorme talento.


Jeff Lebowski (Jeff Bridges) é um desempregado, conhecido como “The Dude”, fanático jogador de “bowling”, que possui em Walter Sobchak (John Goodman) o seu amigo do peito, sempre com uma solução para todos os problemas, solução essa que irá sempre revelar-se um enorme desastre, mesmo quando não há volta a dar ao problema.


The Dude (Jeff Bridges), como é conhecido entre os amigos, é confundido com o multimilionário Jeffrey Lebowski (David Huddleston) conhecido como Big Lebowski, a quem um bando de marginais punk, possuidores de um grau de inteligência bastante reduzido, pretende cobrar uma daquelas dívidas, que só os Coen poderiam alguma vez imaginar: veja-se o famoso sacrifício do dedo da jovem punk, para assim o bando efectuar uma maior pressão sobre a Maude Lebowski (Julianne Moore), a mulher do milionário, para obtenção do resgate.


Por outro lado iremos descobrir em “The Big Lebowski” uma crítica profundamente mordaz à Arte Contemporânea, assim como à nova geração de artistas que pulula por Los Angeles, com as suas obras de “Arte”, ao vermos a forma como Maude Lebowski (Julianne Moore) pinta as suas enormes telas. Uma situação que aliás foi escalpelizada de forma soberba por James Ivory no seu “Escravos de Nova Iorque” / “Slaves of New York”, baseado no famoso livro de Tama Janowitz.

“The Big Lebowski” de Joel e Ethan Coen acaba por se revelar a mais louca comédia assinada até hoje por esta famosa dupla, sendo inesquecível o desempenho de Jeff Bridges na figura desse louco mas pacífico The Dude.

2 comentários:

  1. Costumo dizer que não há meio termo possível com os irmãos Coen. Ou se gosta muito ou não se gosta. Eu gosto, seja dos mais negros, ou das comédias hilariantes, como é o caso deste "Dude"!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este também é um dos meus filmes favoritos dos irmãos Coen. A interpretação do Jeff Bridges é inesquecível!

      Eliminar