quarta-feira, 15 de junho de 2016

Lawrence Durrell – “Cenas da Vida Diplomática” / "Stiff Upper Lip" and "Esprit de Corps"


Lawrence Durrell
"Cenas da Vida Diplomática"
Ulisseia, Pag. 190

Este divertido livro de Lawrence Durrell, editado pela Ulisseia, reúne dois livros do escritor com a mesma personagem, o célebre Antrobus, um funcionário do Foreign Office cujas aventuras ou (des)venturas deixa o leitor à beira de um ataque de lágrimas, imagine só para ter uma ideia do que digo, a conhecida série televisiva “Sim Senhor Ministro” a ser escrita pelo genial Lawrence Durrell e o resultado seria o que irá encontrar nas páginas de “Cenas da Vida Diplomática”, que como já referimos é constituído por “Stiff Upper Lip” e “Esprit De Corps”. Sendo também de salientar que as aventuras de Antrobus foram escritas por Lawrence Durrell, já que se trata de diversos contos, durante o período em que criava esse monumento literário intitulado “O Quarteto de Alexandria”.


O humor de Lawrence Durrell é por demais conhecido e encontra-se bem expresso neste livro, que possui um irmão gémeo também editado pela Ulisseia, intitulado “Salve-se Quem Puder”.

Durante vários anos Lawrence Durrell foi adido de imprensa de diversas embaixadas britânicas, tendo passado por países como o Egipto e a Jugoslávia, que serviram de palco a alguns dos seus livros. O sucesso das aventuras de Antrobus foi de tal ordem no Reino Unido que a BBC emitiu diversas emissões de rádio em que o conhecido actor Simon Callow (“Quatro Casamentos e Um Funeral”) dava voz ao sensível e diplomático Antrobus, que termina sempre por se ver enredado nos mais diversos conflitos diplomáticos, muitos deles sem resolução possível, como irá descobrir o leitor.


“Cenas da Vida Diplomática”, que Lawrence Durrell dedicou a Richard Aldington desta forma: “A Richard Aldington que me animou a escrever estas tolices”, e tem como já referimos Antrobus como herói, possui uma edição inglesa com magníficos “cartoons” dos diversos personagens e reunindo a totalidade dos contos publicados originalmente em "Stiff Upper Lip", " Esprit de Corps" e "Sauve Qui Peut”,  sobre o título “Antrobus Complete”. Para terem uma ideia do que são as aventuras de Antrobus, descritas pelo genial Lawrence Durrel, aqui vos deixo um excerto do conto intitulado “A Voz do Mar”, incluído no livro “Cenas da Vida Diplomática”, que mais uma vez teve a excelente tradução de Daniel Gonçalves, um profundo conhecedor da escrita de Lawrence Durrell - vamos assim entrar numa festa que a Embaixada se encontra a dar numa enorme jangada à beira do Danúbio:

"«Estava tudo acabado. Não foi exactamente num abrir e fechar de olhos mas numa série de movimentos como numa sessão de streap teese. Aqueles que leram o Tufão de Conrad, podem fazer uma ideia do que se passava.
«O Danúbio arrancou o oleado, desatou os troncos e lançou tudo pelos ares. Foi uma sorte que houvessem troncos em número suficiente. Não posso afirmar que o corpo diplomático estivesse a fazer uma bonita figura às cavalitas nos lenhos, com a água a cachoar em torno, mas, pelo menos, não era um espectáculo que se visse todos os dias. O ministro da argentina foi arrastado, aos gritos, rio abaixo, e só o encontraram no ia seguinte a dez milhas de Belgrado. As margens do Danúbio, de Belgrado a Smog, estavam coalhadas de suecos, finlandeses, japoneses e gregos ensopados e inertes, De mandeville apanhou uma pancada na cabeça, Polk. Mowbary ficou com o colarinho amarrotado. Draper perdeu o chinó, que lhe tinha custado cem libras, e teve de usar um barrete durante cerca de dois meses."

Lawrence Durrell

(Tradução de Daniel Gonçalves)

Sem comentários:

Enviar um comentário