terça-feira, 10 de maio de 2016

Peyton Reed - “Separados de Fresco” / “The Break-Up”


Peyton Reed – "Separados de Fresco" / "The Break-Up"
(EUA – 2006) – (106 min, / Cor)
Jennifer Aniston, Vince Vaughn, Judy Davis, Vincent D’Onofrio, Joey Lauren Adams, Jon Favreau.

Peyton Reed, um homem desde sempre ligado à televisão, foi o eleito por Vince Vaughn para realizar “The Break-Up” / “Casados de Fresco”, sendo o actor um dos produtores e argumentistas da película, que retrata a vida de um casal à beira da rotura.

Gary Grobowsky (Vince Vaughn) possui com os irmãos uma empresa de turismo em Chicago, intitulada “The Three Brothers”, sendo ele o guia mais requisitado pelos turistas para conhecerem a ventosa cidade de Chicago, Já a sua esposa Brooke Meyers (Jennifer Aniston) trabalha na galeria de Marilyn Dean (uma Judy Davis inesquecível pelos conselhos que dá à sua empregada favorita, ao saber da sua crise matrimonial).


Tudo começa num desses jantares em que se reúnem as duas famílias, sendo de imediato bem visível as diferenças existentes entre eles, ao mesmo tempo que o ego de Gary se vai impondo ao longo da noite. Por outro lado ele é um homem que leva sempre os seus desejos a bom porto, achando isso perfeitamente natural, e quando confessa à esposa ter o sonho de colocar uma mesa de bilhar na sala de jantar, a célebre bola de neve começa a descer a montanha, iniciando-se uma discussão que tenta inserir o humor, tornando os diálogos demasiado previsíveis, anulando o desejado efeito da comédia.


Brooke (Jennifer Aniston) passa a dormir no quarto e Gary (Vince Vaughn) faz da sala o seu refúgio dormindo no sofá, ao mesmo tempo que decidem colocar o apartamento à venda, depois de perceberem que nenhum tem meios para comprar a parte do outro.

De imediato os amigos de ambos começam a dar os seus conselhos sobre o que se passa: a irmã dela Addie (Joey Lauren Adams) sugere-lhe que arranje alguém com quem sair, para provocar ciúmes, o que se vai revelar infrutífero, ao mesmo tempo que os candidatos se revelam um verdadeiro desastre; já Johnny O. (Jon Favreau), o dono do bar que ambos frequentam, tenta convencer o amigo Gary, que ela só pode ter alguém, enganando-o como fazem todas as mulheres, segundo a sua visão do sexo feminino.


“Separados de Fresco” / “The Break-Up”, que irá ficar célebre devido à cena de nú integral de Jennifer Aniston, irá levar este conflito até à exaustão, revelando uma enorme incapacidade para cativar o espectador e só quando Gary (Vince Vaughan) e Brooke (Jennifer Aniston) percebem como se amam, quase no final do filme, o registo muda, entrando por esses territórios bem conhecidos do cinema clássico e que deram cartas na bem conhecida comédia romântica.


Jennifer Aniston, que se celebrizou na série “Friends” como todos estamos recordados, cumpre, mas perante diálogos tão frágeis pouco poderia fazer, sucedendo o mesmo a Vince Vaughn, sendo os secundários Judy Davis, Jon Fraveau e Vincent D’Onofrio (que interpreta a figura do irmão mais velho de Gary) que terminam por brilhar, numa comédia demasiado previsível e sem qualquer rasgo de génio.

Sem comentários:

Enviar um comentário