segunda-feira, 11 de abril de 2016

Anthony Mann - "Winchester'73"


Anthony Mann - "Winchester'73"
(EUA - 1950) – (92 min. / Cor)
James Stewart, Shelley Winters, Dan Duryea, Rock Hudson, Tony Curtis.

A película de Anthony Mann, intitulada "Winchester 73", merece ser recordado não só pela interpretação de Jimmy Stewart, assim como a habitual revisão que Anthony Mann faz desse género que na época da sua estreia entusiasmava as plateias de todo o mundo, mas também por dois actores irreconhecíveis “à primeira vista”, que passam por lá. O primeiro é Rock Hudson, ainda longe dos melodramas de Douglas Sirk que lhe trouxeram o reconhecimento dos cinéfilos e das comédias com a Doris Day, que lhe ofereceram a fama e o proveito dos dollars.

Rock Hudson em "Winchester'73"

Em “Winchester 73” Rock Hudson é o jovem guerreiro índio "Young Bull", dizendo umas palavrinhas que ultrapassam aquele "ugh" das bandas desenhadas do Lucky Luke. Quanto ao outro famoso desconhecido, ele é um tal Anthony Curtis, um jovem soldado da cavalaria cercada pelos peles-vermelhas, surgindo o seu nome nos créditos em último lugar, numa altura em que ninguém diria que algum tempo depois ele irá alterar o nome artístico para Tony Curtis, casar com a Janet Leigh (que Hitchcock "mataria" no chuveiro em “Psico”) e oferecer à Sétima Arte uma actriz chamada Jamie Lee Curtis de grande talento.

Tony Curtis ao centro em "Winchester'73"

Vejam em "Winchester 73" como se começa uma carreira de actor no mundo do cinema e se gostarem da experiência de olhar bem para os secundários ou mesmo estreantes na Sétima Arte, procurem outros dois nomes famosos a fazer de figurantes numa curta cena do primeiro filme de Mel Gibson em Hollywood, cujo título é de "The River"/"O Rio", realizado por Mark Rydell. Os figurantes a que nos referimos são os senhores Morgan Freeman e Danny Glover.

James Stewart em "Winchester'73"
em mais uma interpretação memorável

James Stewart esteve para os "Westerns" de Anthony Mann, como John Wayne estava para os "Westerns" de John Ford, revelando sempre personagens bem diferentes do que nos iria dar noutras películas. Nos "Westerns" de Mann, Jimmy Stewart é sempre uma personagem que não irradia simpatia perante o espectador e só depois de conhecermos a sua história percebemos as razões que se encontram por detrás do seu comportamento, revelando o actor todo o seu valor na composição que nos ofereceu nessas interpretações bem memoráveis.
"Winchester'73" é um daqueles filmes que bem merecem ser (re)descobertos!

Sem comentários:

Enviar um comentário