quarta-feira, 20 de abril de 2016

Francis Ford Coppola - “Peggy Sue Casou-se” / “Peggy Sue Got Married”


Francis Ford Coppola – "Peggy Sue Casou-se" / "Peggy Sue Got Married"
(EUA – 1986) – (103 min. / Cor)
Kathleen Turner, Nicolas Cage, Barry Miller, Catherine Hicks, Joan Allen, Jim Carrey.

Após o desastre comercial de “Do Fundo do Coraçao” e a travessia do deserto que representaram as películas “OS Marginais” e “Rumble Fish”, a reconciliação de Francis Ford Coppola com a Indústria Cinematográfica de Hollywood originou o recebimento de uma encomenda intitulada “Peggy Sue Got Married”/”Peggy Sue Casou-se”. Embora o argumento tenha sido escrito a pensar na actriz Debra Winger para o papel principal, cuja versatilidade em termos visuais para o que se pretendia para a película se afigurava a indicada, acabou por ser Kathleen Turner a protagonista da película, dando tão boa conta do recado, que acabou por ser indigitada para o Oscar da Melhor Actriz Principal, no entanto seremos sempre obrigados a pensar o que seria Debra Winger a vestir a pele de Peggy Sue.


“Peggy Sue Casou-se” / “Peggy Sue Got Married” é uma viagem através de um “mergulho” no passado de uma mulher madura, que regressa à adolescência e volta a viver a vida tal como ela tinha desfilado perante o seu olhar no passado, só que desta vez até poderia alterar o estado das coisas ou será que não? Estamos assim perante uma película que nos oferece de uma forma dramática as premissas que já tínhamos conhecido como comédia em “Back to the Future” / “Regresso ao Futuro” de Robert Zemeckis, surgindo agora esse engenho mágico de alterar o passado para construir um outro futuro de forma dramática, mostrando Francis Ford Coppola que tinha mantido todo o seu saber durante a sua passagem pelo “limbo” da Indústria.


Francis Ford Coppola oferece-nos em “Peggy Sue Casou-se” / “Peggy Sue Got Married” uma película que termina por nos encantar, como uma dessas fábulas maravilhosas que só o cinema possui o condão de nos poder oferecer.

Sem comentários:

Enviar um comentário