sábado, 26 de março de 2016

“Encontro com o Amor” / “Falling in Love” – Ulu Grosbard


Ulu Grosbard - "Encontro com o AMor" / "Falling in Love"
(EUA - 1984) – (106 min. / Cor)
Robert de Niro, Meryl Streep, Harvey Keitel.

Quando dois actores como Robert de Niro e Meryl Streep se encontram em “Falling in Love”, não é o trabalho do cineasta que nos interessa, mas sim o trabalho dos actores. Escrevemos desta forma porque o que nos motiva na visão do filme não é a realização de Ulu Grosbard, que faz o “remake” do fabuloso “Breve Encontro” / “Brief Encounter”  (1945) de David Lean, adaptando-a de forma muito livre aos tempos modernos.


Poderíamos até dizer que Ulu Grosbard simplesmente nos informa que os nova-iorquinos gostam muito da 5ª Avenida e da Rua 57, comprando os seus livros na Livraria Rizzoli, além de o Natal ser a melhor época para encontros, isto para além de nos fornecer os horários dos comboios que partem de Ardsley/Dobbs Ferry, mas vamos ao que nos interessa… o trabalho dos actores!


“Encontro com o Amor”/”Falling in Love” não é só um daqueles filmes para se programar para ver no Natal com a família, ele é acima de tudo um soberbo trabalho de Meryl Streep e Robert de Niro habitando as armadilhas do amor, enquanto o tempo passa e o futuro desconhecido se aproxima. Recorde-se, para quem não conhece a genial película do britânico David Lean, que “Breve Encontro” / “Brief Encounter” possui um final bem diferente do escolhido pelos Estúdios Americanos, nele não há “Happy Endings”, como nos canta Liza Minelli em “New York New York” de Martin Scorsese, mas sim o melodrama na sua essência, devastador e comovente.


Quando duas pessoas se encontram, depois de se cruzarem diariamente sem se ver, desenvolvendo os sentimentos necessários à construção de um grande amor, é impossível não interrogar o momento presente e o seu núcleo familiar. Será que vale a pena arriscar uma vida dupla ou uma nova vida? A resposta está no argumento do filme, mas é na vida diária, no mundo turbulento de que fazemos parte, que iremos encontrar esse rosto perdido no meio da multidão, sorrindo para nós através de um olhar cristalino, perdição de uma vida por um lado, mas oferecendo por outro o grande amor da nossa vida.


“Encontro com o Amor” / “Falling in Love” não é mais um melodrama moderno de Hollywood, revisitando os Clássicos, mas sim uma película para sentir e viver ao lado desses dois grandes actores chamados Meryl Streep e Robert de Niro.

"Happy Endings"

Sem comentários:

Enviar um comentário